Jaraguá

Tipo
Casa
Autor
Fernanda Marques
Nome do projeto
Jaraguá
Data do inicio do projeto
2010
Data de conclusão do projeto
2012
Localização
Alphaville - São Paulo
Área
1200m²
Fotógrafo
Fernando Guerra

Sugestões

Jaraguá

Uma casa onde a sensação de amplitude se manifesta de forma contínua e permanente. Foi esse o fio condutor deste projeto de arquitetura e interiores conduzido pela arquiteta Fernanda Marques para atender a um jovem casal de empresários e seu casal de filhos. Felizes habitantes hoje deste confortável imóvel de linhas contemporâneas, com três pavimentos e 1.200m², situado em Alphaville, bairro residencial situado nos arredores da cidade de São Paulo.

"Concentrei toda as minhas escolhas tendo em vista este objetivo", pontua a arquiteta, que do ponto de vista construtivo optou pela distribuição em três pavimentos e pela farta distribuição de terraços por toda a extensão do último andar, de forma a franquear a vista para a bela paisagem que se descortina a partir da colina onde se situa o imóvel. "Já para os interiores, imaginei espaços amplos, desenvolvidos em continuidade, sem divisórias", afirma.

Assim, no andar térreo, Fernanda concentrou living, sala de lareira, sala de jantar, home-theater e sala de almoço, além de cozinha, escritório, adega com compartimentos em diferentes temperaturas, chapelaria, lavabos e dependência de empregados. Convite ao lazer, uma ampla piscina se abre para o terraço frontal. Já no superior, fica a área íntima da casa, composta de três suítes interligadas a terraços e sala íntima e no inferior, garagem, depósito e uma pequena oficina.

Contemporâneos, como a própria construção, arte e design se mesclam no desenho dos interiores, de forma a compor uma ambientação descontraída, mas nem por isso menos sofisticada. "Procurei criar uma espécie de topografia interna, com móveis apresentados em solução de continuidade e com pequenas variações de altura, quase ao nível do chão", explica a arquiteta que, além de grandes grifes internacionais, equipou a casa com criações suas, como seus bancos em aço inoxidável.

Comum a todos os ambientes, o pé-direito ampliado é um dos maiores atrativos do projeto. Em especial no living, que conta com pé-direito duplo. "Neste projeto, a iluminação natural se faz presente em todos os espaços, mas nunca de forma direta. Existem situações muito específicas de luz, derivadas do formato da construção e das soluções de projeto", conta Fernanda, destacando as fachadas equipadas com brises de alumínio, em linha contínua.

Fundamental na conquista das condições de luminosidade almejadas pela arquiteta a escolha dos revestimentos (tanto externos, quanto externos) privilegiou as tonalidades neutras com destaque para o branco e a areia; presentes, por exemplo, no limestone e na pedra calcária dos pisos, na pintura acrílica branca nas paredes e nos painéis de madeira com lâmina de nogueira. De um azul anil profundo, a piscina funciona como contraponto. "Mas sem causar maiores rupturas", conclui Fernanda.