Casa Cor 2009

Tipo
Mostra Casa Cor
Autor
Fernanda Marques
Nome do projeto
Loft 24/7
Data do inicio do projeto
2009
Data de conclusão do projeto
2009
Localização
São Paulo - SP
Área
250m²
Fotógrafo
Romulo Fialdini

Sugestões

Casa Cor 2009

Luz natural, texturas ressaltadas, abertura total para o ambiente externo. Em 250m², a arquiteta Fernanda Marques cria um refúgio de sonho para se escapar da agitação urbana.

Depois do sucesso na edição 2008 de Casa Cor, Fernanda Marques apresenta agora a versão 2009 de seu Loft 24/7. Desta vez, na forma de uma ampla residência térrea, com cerca de 250m², onde a natureza não é mera coadjuvante. Mas sim, protagonista: basta que se observe o intenso aproveitamento da luz natural. O uso de materiais em estado bruto. A total abertura para o ambiente externo.

“Estar dentro, sentindo-se fora. Acredito que esta é uma questão chave para a compreensão da arquitetura de interiores produzida hoje. Tempos de expansão da consciência ambiental e, claro, do desejo de se estar próximo da natureza.”, explica a arquiteta; que situa seu projeto em algum ponto entre uma vila no campo e uma casa modernista desenhada por um de seus mestres, o arquiteto alemão, Mies van der Rohe.

Combinados a paredes em pedra bruta e piso em calcário, aço e vidro, não por acaso, marcam presença no arrojado espaço. Ao todo, são 180m² de área construída, interligados por um deck em madeira, que projeta a casa para além de seus limites internos. Espécie de interface entre os interiores e o ambiente externo, paredes e tetos em vidro garantem a atmosfera de continuidade espacial: uma das marcas registradas dos projetos de Fernanda Marques.

Não menos impactantes, interiores “all-white” contam com móveis construídos apenas com matérias-primas obtidas de modo sustentável; além de outras atrações: na cozinha, por exemplo, os equipamentos se integram a um painel de aço que se projeta até a cobertura; enquanto um monólito em rocha, que funciona como bancada, imprime uma tonalidade rústica, quase agreste, ao ambiente.

Já no living, os nichos dos armários e estantes guardam lá os seus segredos: de um lado, os objetos orgânicos, em vidro do norte-americano Jeff Zimmerman: um dos artistas preferidos da arquiteta, a seu convite, pela primeira vez no Brasil. De outro, uma seleção especialíssima de acessórios garimpados para o espaço, pelo antiquário Beto Altílio.
Entre os lançamentos Florense, criados especialmente para o ambiente, armários com acabamento "high gloss", todos equipados com vidros coloridos e gavetas automatizadas. Móveis, segundo Fernanda, ideais para quem não abre mão da qualidade. “Mas também não tem tempo a perder”.